"A satisfação está no esforço e não apenas na realização final"

Gandhi

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Golden Four Asics 2013 Rio de Janeiro - Meu relato


"O seu tempo diz quem você é"

Essa frase é o lema da Golden Four 2013. O circuito de meias maratonas da Asics tem como meta a quebra de recordes pessoais. Mas, quando fiz a inscrição para etapa do Rio, o meu objetivo não era me superar em termos de tempo e sim estrear nos 21km. A proposta era correr todo o percurso e superar minha maior distância já percorrida.

Agora, quando escrevo esse relato, posso afirmar: Não teria prova melhor para realizar essa estréia. E, quem diria, no fim ainda marquei um bom tempo. Então vamos lá ao relato de minha 42ª prova, e a 6ª do ano:

Para quem não conhece, esse circuito oferece provas com padrão internacional. São 4 meias-maratonas puras, onde tudo é pensado para que os corredores possam dar o seu melhor. Já tenho uma Golden Four no meu currículo. Foi um treino de luxo que fiz ano passado, nela corri 13kms e caminhei o restante(veja aqui o relato), agora a história seria diferente. Me preparei bem era hora de enfrentar os 21km.

Golden Four Expo Conference

O evento já se diferencia pela entrega dos kits. No dia anterior à prova foi realizado uma feira com palestras, stands de venda de produtos esportivos e alguns serviços de oferecidos por patrocinadores.

Palestra sobre o percurso da prova
Eu cheguei ao Rio no sábado a tempo de curtir a Golden Four Expo. O evento foi num ótimo espaço em um hotel da Barra. Peguei meu kit e fui aproveitar a feira. Fiz de tudo, o "ativamento muscular" oferecido pelo Banco Santander, personalizei a camisa do kit, tirei uma foto num mural onde você colocava o tempo que esperava fazer e na mesma hora enviavam para o facebook, fiz uma massagem para ver se aliviava umas dores lombares que eu vinha sentindo, e no fim só faltou fazer o teste da pisada (não consegui pegar a senha no stand da Asics, estava muito disputado).

Assistir também algumas palestras. Todas muito boas, mas destaco a última. Nela tivemos um debate com dois corredores amadores que correm muito bem, a Andrea Folegatti e o Nelton Araújo (do blog Running Lifestyle). Eles analisaram o percurso da prova e deram ótimas dicas para todos que iriam correr no dia seguinte.

A prova
A etapa do Rio da Golden 4 Asics que aconteceu nesse último domingo, dia 07/04, teve a largada no Recreio do Bandeirantes pontualmente às 7h. O percurso seguiu toda a orla da Barra da Tijuca, passou pelos tuneis do Joá e concluiu os 21km na praia de São Conrado. Com pouco mais de 4 mil inscritos e 3.224 concluintes, a etapa foi marcada pela organização impecável.

Houve premiação em dinheiro para a elite e vários troféus para as categorias. A prova ainda premiou com medalhas especiais os mais rápidos (100 homens e 20 mulheres). Vejam mais detalhes e os números da prova no blog da Asics Brasil.


Minha Participação – km a km (Aviso: Esse relato ficou bem looooongo )
(algumas pessoas me falaram que gostam do relato com detalhes, vou passar a separar o detalhamento nessa seção do post)

Essa foi minha 1ª prova alvo do ano. Os treinos me indicavam que conseguiria correr bem os 21km. Eu previa concluir com o tempo de 1h55m, correndo uma médio de 5'30"/km. Tudo ia bem até que, conforme comentei no último post, uma semana antes da prova comecei a sentir dores lombares. Fui ao ortopedista, fiz uma seção de massagem antes da viagem e fui para o Rio com um certo receio de ter que adiar a estréia. As dores foram passando e no dia da prova já tinham praticamente sumido. De qualquer forma planejei fazer a prova com cautela, decidi largar de forma moderada e ir "escutando" o corpo durante a prova.

Vejam abaixo alguns dados do meu GPS:

Tudo certo, domingo seria "O grande dia". Consegui chegar cedo ao local da largada. Às 6h já estava me ambientando e fazendo um bom aquecimento. O clima estava encoberto, mas um pouco abafado. A maior dificuldade da prova seria aguentar a alta umidade, próxima dos 90%. Antes mesmo de começar a correr eu já estava suando bastante.

Nessa prova aconteceu uma situação diferente para mim: Eu estava "sozinho"! Não encontrei nenhum dos conhecidos que iriam participar da prova, foi a 1ª vez que não confraternizei com amigos antes da largada. Fiquei perambulando um pouco e observando as pessoas se preparando. Decidi aproveitar a "solidão" para me concentrar para a largada.

E, por falar em largada, esse é mais um ponto a se elogiar. Funcionou muito bem, cada corredor informou na inscrição o ritmo que gostaria de correr e na largada existiam baias para cada um dos ritmos informados. O pessoal respeitou essa organização e todos puderam começar a prova já correndo da forma que gostariam (Eu queria entender por que não é assim sempre?).

No momento da largada caia algumas gotas de chuva. Eu não consigo descrever direito meu sentimento naquela hora, mas era um clima de tensão e ansiedade misturado com euforia, sei lá, acho que a adrenalina já estava me deixando meio doido . Só sei que comecei a correr todo arrepiado. Até agora ao lembrar me arrepio.

Nesse clima, o 1ºkm passou e eu nem percebi, fui me segurando para entrar no ritmo da prova, foi inclusive minha pior parcial na prova. Da placa do 1º até a do 9ºkm corremos na região da Praia da Reserva, é uma área muito bonita onde só tínhamos a vegetação do lado esquerdo, o mar do lado direito e à frente a pista com uma bela vista dos morros ao fundo, lá no fim da Barra.

Belo visual na Praia da Reserva
Durante essa parte da corrida tentei manter um ritmo constante, mas sem forçar muito. Tirei os fones de ouvido algumas vezes e fui curtindo a paisagem, observando os outros atletas e "ouvindo" meu corpo. Os kms foram passando e aos poucos os corredores foram se espalhando no percurso. Nessa parte da prova a pista era só nossa, dava para correr tranquilo.

No fim da Praia da Reserva, com 9km de prova e mais de 40 minutos correndo, eu decidi tomar um gel de carboidrato no 3º posto de hidratação para repor um pouco as energias. A hidratação foi a cada 3km, sempre com água gelada e isotônico. Entramos na parte mais urbana da Barra e agora a pista foi dividida, uma faixa para os carros e outra para os corredores. Ainda assim, estava bem tranquilo correr por ali. Nos 10km passamos por um tapete de controle, a parcial até ali foi de 51'51".

Passada a metade da prova eu ainda estava inteiro. Nada da dor nas costas aparecerem (ainda bem ). Eu pensei até em aumentar o ritmo, mas lembrei dos alertas do Nelton na palestra sobre o percurso. Era melhor guardar energia para a subida do elevado do Joá (ou do Enjoá como ele diz no twitter, rsrsrs). Coloquei os fones de ouvido fui escutando minha playlist de rock. Fiz o trecho da Barra, até os 16km, controlando o ritmo na casa dos 5:15/km. Estava acabando a parte plana do percurso.

No km 17 chegou a temida subida do elevado. Fiz algumas curvas e me preparei mentalmente para a subida. Vi muita gente caminhando nesse trecho. O cansaço já estava presente, mas eu queria botar meu treino a prova. Tentei e consegui vencer a subida sem deixar cair muito o ritmo. No topo entramos no 1º túnel. Botei o óculos escuros na testa e tentei voltar a respiração ao normal, a subida era curta mas o clima abafado não ajudava, eu estava um pouco ofegante.

Vista na saída do túnel - Foto do álbum oficial do evento
Ainda no túnel, passei pelo último posto de hidratação, no km 18. Eu estava com 1h34min e bem cansado, mas corri o trecho do túnel do Joá e do Elevado da Bandeiras já fazendo contas sobre o tempo que terminaria a prova. Me controlei para não quebrar durante o 19ºkm, que era uma leve subida no 2º túnel que leva à praia. Percebi pelas contas que se eu me esforçasse mais um pouco, conseguiria um sub1h50!

Saindo do túnel tive duas visões maravilhosas. A 1ª foi a linda vista da praia de São Conrado com o portal de chegada em algum lugar, o sol tinha aparecido justamente no fim da minha prova. A 2ª visão, foi a longa decida até a placa de 20km  . Soltei as pernas e acelerei. Fiz algumas curvas, passei pela placa e voltei para praia em ritmo forte. Nessa hora o arrepio que tinha sentido na largada estava multiplicado por 100. A respiração começou a ficar ofegante novamente, já dava para ver o portal de chegada, o público e as placas de 500m, 400m, 300m...

Fui aumentando o ritmo progressivamente e sentindo o coração bater mais forte, não sei se era só pelo ritmo ou também pela emoção. Só sei que quando passei pelo portal soltei um grito.

EU TINHA CONSEGUIDO CORRER OS 21KM!!!

Vejam aí no finzinho do vídeo a minha chegada:
video


RESULTADO
6ª medalha do ano

Passando pelo portal travei meu relógio e comemorei bastante. Quando olhei nem acreditei: 1h49m14s. Andei um pouco e encontrei minha esposa me esperando um pouco mais a frente. Ela disse que quando eu a beijei estava com um sorriso de orelha a orelha  .

Mais tarde recebi um sms da organização com o tempo oficial, que ainda tinha sido um segundo a menos. Eu estava muito feliz, tinha feito 5min a menos que eu tinha previsto e, o mais importante, corri feliz e sem dores. Acabei cansado, é claro, mas não tinha me matado para concluir a prova.

O alta umidade tinha castigado bastante. Durante o percurso vi muita gente sendo atendida pelos staffs. Tomei bastante água, andei um pouco para desacelerar e, depois, ainda aproveitei do serviço de massagem para relaxar um pouco a musculatura.

Após a prova tive uma certeza, os treinos foram muito importantes para concluir bem a prova. Agradeço muito aos professores Ângela e Gegê do Grupo Personal DF. Sei que não teria conseguido sem a orientação deles. Valeu pessoal!!!

Desde segunda-feira os resultados oficiais já estão disponíveis no site. Minha classificação foi a seguinte:

  • Colocação Geral: 773º
  • Tempo Líquido: 01:49:13
  • Colocação na Faixa etária: 291º (M3039)
  • Tempo Bruto: 01:50:25
  • Pace: 05:12/km
  • Parcial 10km: 51'51"


Depois de 21km o cara ainda ia correr mais 40km!
Depois da prova, andando pelo arena encontrei com o Jorge Ultramaratonista. O cara é fera, essa foi a 299ª competição dele. Ele completou a prova em 1h34'08" e depois ainda correu mais 40km até a casa dele em 3h04m. No relato que ele fez da prova (vejam aqui), ele chamou esses 61km de longuinho. Depois o doido aqui sou eu .

Parabéns Jorge!!!

E por falar em quem corre muito, ainda na arena, eu fui ao espaço do Santander, onde tinha um ótimo buffet com lanches, e encontrei o grande Solonei, atual campeão Pan americano da maratona e vice campeão da prova desse domingo.

O cara é muito gente fina, eu não aguentei e tietei um pouco pedindo para tirar uma foto com ele:
Solonei  - Esse aí corre muito

Bom pessoal é isso aí...
(Será que alguém leu até aqui? cada vez meus relatos estão mais longos, desculpem) 

Foi um fim de semana para guardar na memória. No fim da prova eu até postei uma foto no meu Instagram falando que se fosse melhor estragava. Foi uma da melhores provas que já participei. Parabéns à Asics Brasil e à Iguana Sports pelo excelente evento.

Só faltou mesmo os amigos por perto para a festa ser total. Mas, em novembro, na etapa de Brasília, com certeza estarei de volta à Golden Four Asics. E dessa vez acompanhado da galera. Se bem que depois desse fim de semana estou com muita vontade de ir em Porto Alegre e em São Paulo (veremos se o orçamento permite). Quero sentir mais vezes a emoção de passar pelo portal depois dos 21km.

E para finalizar, já que a Asics disse que: "O seu tempo diz quem você é".
Eu sou 1h49m13s


Abraços a todos e obrigadão pelas mensagem de apoio.



Ps.: Quer saber mais sobre a prova? Vejam outros relatos:
(vou acrescentando na lista cada relato que eu achar na internet)

JMaratonista Corridas de Rua - do Jorge
Vitória Runners - da Vitória
Blog Asics Brasil - da Asics
Corrida Viva - do Vicent Sobrinho no site da Contra Relógio
Diário de uma Corredora - da Elis
Corrida Urbana - do Victor Caetano
96 Pés - do Xampa
Amizade, saúde, equilíbrio, concentração e muita diversão - das Dani e Pati
André e o Tênis - do André Gonçalves
E aí, corredor - do Caique

25 comentários:

  1. Muito, mas muito bom mesmo!!!
    Parabéns por todo seu esforço!
    E que venha o longuinho do Ultramaratonista!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Valérie. Foi muito bom ver o resultado de tanto treino. Quanto ao longuinho do Jorge, acho que vou demorar alguns anos para correr tanto, rsrsrs.

      Abraços

      Excluir
  2. Parabens pelo resultado !!!!
    Um dia eu chego lá, hehehehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu André. Você também foi muito bem. Que venha sua maratona.

      Abraços

      Excluir
  3. Belíssimo resultado, Danilo! Parabéns por ele, pelo belo relato e pela estreia nos 21 km, distância que é a minha favorita e a de muita gente que corre também. O meu melhor tempo até hoje na distância também foi na estreia, curtindo muito o "passeio" e sem carregar responsabilidade nenhuma. Bom demais. Que venham outras!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Fábio. Foi uma experiência única. Gostei muito da distância também. Não esperava fazer esse tempo nem nos meus melhores sonhos =)

      Abraços

      Excluir
  4. Parabéns. quero voltar a correr e vc serve muito de exemplo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que volte logo Marcos. Valeu pela visita e comentário.

      Abraços

      Excluir
  5. Muito bom mesmo Danilo. Correu legal e se superou.
    Sinal de treino bem feito e dedicação total. Que foco cara, você me enche de orgulho.

    Estuo louco para chegar em casa e ver o seu vídeo. Deve ser de arrepiar.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiz, realmente o treinamento fez toda a diferença. O vídeo acabou pegando só o uma parte da chegada.
      Valeu cara

      Abraços

      Excluir
  6. Nossa, que maravilha, hein, amigo ! Estás te saindo muito bem, verdadeiramente. Parabéns pelo percurso e pelo evento. Beijo e boa semana (que legal, foto com o Solonei e com o amigo Jorge).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito bom mesmo Ivana. E ainda tive a chance de conhecer pessoalmente o Jorge e tirar a foto com o Solonei. Muito boa Golden4Asics, se coubesse no meu orçamento eu iria na etapa de POA também.

      Obrigadão, abraços

      Excluir
  7. Danilo, show de resultado, minha prova foi bem parecida com a sua. fui cadênciando o ritmo para não ir rápido nem devagar. Acho que quase todo mundo o km 20 foi o mais rápido, fechei ele em 4:01. Espetacular a organização da Iguana e da Asics.

    Te adicionei nos meus favoritos.

    Grande Abraço.

    Victor Caetano

    corridaurbana.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Victor, foi realmente espetacular. Correr os 21km foi um experiencia muito diferente para mim. É uma prova muito mental. Ir cadenciando ajudou a não quebrarmos. Já estou animado para correr a etapa de Brasília no fim do ano, quem sabe tento bater o tempo.

      Muito legal seu blog, já está nos meus favoritos também.

      Abraços

      Excluir
  8. Parabéns pela prova, pelo tempo e espero que vc volte para a Golden Four 2014 - RJ!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daniela, obrigadão. Com certeza voltarei, foi uma das melhores provas que já participei.

      Abraços

      Excluir
  9. Danilo,

    Que belo relato da prova. É de atiçar a vontade daqueles em concluir os seus primeiros 21km's. Estou muito orgulhosa do seu resultado. Sei o quanto tens treinado. Concluir em sub 01h50 é pra poucos. És um vencedor.
    Super parabéns!!!!

    beijo e bons km's!!

    Helena
    http://correndodebemcomavida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi uma estréia para guardar na memória. Nunca pensei em fazer um tempo tão bom. E o mais importante é que corri bem sem forçar muito, curtindo mesmo a prova. Gostei muito dos 21k, estou me organizando para ir em Floripa em junho para participar da Meia O2.

      Abraços e bons km's para você também Helena

      Excluir
  10. Grande Danilo boa tarde, cara viajei no seu relato desta grande prova e lembrei de tudo que aconteceu esta e a minha 3a participacao nesta prova e a minha primeira vez que voltei para casa nesse percurso...Esta prova é showww de bola e esperamos que ela fique no calendário por muito tempo não é mesmo...Adorei te conhecer meu amigo, parabéns pelo sub 1h50min, vc deu showwww e que venham novos desafios e mais uma vez te agradeço por me mencionar aqui em seu blog. Lhe desejo bons treinos.

    PS: Quer repetir a dose? No dia 07 Jul 2013 tem a maratona do Rio e a Meia do Rio e vc pode escolher uma das duas para correr, a Maratona a largada e no recreio um pouco mais atras e a Meia a largada na barra. Ambas chegam no Aterro do Flamengo, todas as duas também são showww.

    Um abraço,

    Jorge Cerqueira
    www.jmaratona.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito show mesmo! Também gostei muito de te conhecer pessoalmente sempre fui fã do seu blog. Sobre as provas no Rio, acho vou na meia da Yescom em 18 de agosto.

      Abraços Jorge

      Excluir
  11. Danilão, seus relatas estão cada vez maiores e cada vez MELHORES!
    Parabéns pela excelente prova e por mais um desafio alcançado, você é um campeão!
    Quando eu crescer quero ser igual a você! rsrs

    Abração!

    Paulo
    Corre Coração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Paulo, obrigadão. Você também está mandando super bem, estou acompanhando suas provas lá no "Core Coração". Rapaz, por mais que eu tento, não consigo fazer relatos mais curtos =)

      Abraços

      Excluir
  12. A primeira Meia a gente nunca esquece!!! rsrs

    Concordo com você que hoje no Brasil essa prova é melhor!!

    Grande Abraço e Parabéns!
    Léo

    CORRE SAMPA
    www.corresampa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Léo, essa 1a meia ficará para sempre na memória. Espero conseguir ir em outras etapas do circuito. Quem sabe apareço aí em Sampa na etapa de julho.

      Abraços

      Excluir
  13. Show!!!!!
    Parabéns!!!
    Vc é um exemplo de superacão!!!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...